Páginas

quinta-feira, 27 de março de 2008

. Maldita TPM [continuação]

Reféns da TPM > Crime X TPM
Pouca gente sabe, mas já são muitos os casos de mulheres que cometem crimes e alegam, em sua defesa, que estavam com TPM. Segundo especialistas, é perfeitamente possível que a TPM tenha influência sobre as emoções de uma mulher a ponto de fazê-la cometer um crime não-intencional. "Alguns dos sintomas nessa fase são doentios e, muitas vezes, unindo-se às características de comportamento individuais ou ao momento de vida, podem levar a um ato exagerado, provocando uma tragédia. Sob a tensão pré-menstrual, muitas mulheres saem porta afora, sem controle, se arriscando a cometer algum crime", diz Beth Valentim. Ela dá um exemplo. "Uma mulher sai de casa, enfurecida pela TPM, e acaba provocando um atropelamento com morte. O crime cometido nessa fase pode ser atenuado com as explicações de um especialista", sublinha.
Essa visão de que a TPM pode ser a culpada tem sido aceita em diversos países. Na Inglaterra, a tensão pré-menstrual pode ser atenuante da pena de uma criminosa; na França, é possível alegar insanidade mental por causa dela. Nos Estados Unidos, uma pesquisa feita em um presídio feminino mostrou que nada menos do que 50% das presas haviam cometido crimes no período pré-menstrual.
Tem tratamento?
Sim, mas ele deve ser personalizado, dependendo das queixas da mulher. O ideal é avaliar a rotina diária, os hábitos, o peso, a alimentação e a qualidade de vida antes de levar as queixas para o médico. Assim, será mais fácil planejar uma estratégia contra a TPM. A última hipótese é o uso de alguma medicação; na verdade, o ideal é buscar uma melhor qualidade de vida. Fala-se muito na importância da dieta balanceada e da prática constante de atividades físicas para diminuir os efeitos da TPM. As vitaminas a A e B6, cuja carência pode detonar as crises, são encontradas em alimentos como ovos, cereais integrais, ovos, frango, soja, banana, fígado e amendoim, entre outros. O magnésio pode ser encontrado no espinafre.
Como a TPM está ligada à ovulação, pode ser recomendado o uso de pílulas anticoncepcionais, que suspendem esse processo e impedem a menstruação. "Elas podem resolver o problema em casos mais leves de TPM, bloqueando as oscilações do ciclo normal. Nesse caso, o ideal é fazer uso contínuo da pílula e ficar mesmo sem menstruar", afirma o Dr. Ricardo. Para os sintomas psicológicos, têm sido propostas terapias alternativas, como aromaterapia, acupuntura, homeopatia e massagens.
Já nos casos mais graves de TPM, causados por dores profundas - afastadas outras causas orgânicas -, podem ser necessárias a internação e a aplicação de medicação intravenosa. Nesses casos, especificamente, a causa pode ser uma endometriose, que precisa ser tratada corretamente. Quem sofre com a depressão na TPM também precisa de maiores cuidados. Alguns casos merecem acompanhamento psiquiátrico, às vezes com internação. "Muitas mulheres com quadro de TPM apresentam depressão em vários níveis, sendo necessárias medicações antidepressivas. E eles só devem ser indicados se a qualidade de vida, as relações afetivas e o desempenho no trabalho estiverem sendo prejudicados", afirma Dr. Ricardo Bruno.
Prevenindo novas crises
Beth Valentim ressalta que a psicoterapia pode ser uma excelente aliada de quem sofre com a TPM. "A pessoa aprende a controlar a ansiedade e minimizar os efeitos da tensão pré-menstrual. No mais, é preciso ter muita paciência e cuidar bastante da qualidade de vida e da alimentação", diz. Já o Dr. Ricardo alerta para o uso indiscriminado de medicamentos e terapias recomendados por amigas e vizinhas. "Nem sempre eles são ideais para cada caso e os sintomas podem até piorar. O melhor é consultar um médico sempre que for necessário", finaliza.

Fonte:
Por Anna Mocellin (adaptado)
Site: www.bolsademulher.com

p.s.: Ainda tô de TPM

2 comentários:

  1. Continuo prestando soliedariedade a você, já que hj meu único desejo forte é matar meu chefe! Tomara que essa fase passe logo.

    ResponderExcluir
  2. TMP é o fim... nossa fico com quase todos esses sintomas. Fico sem saber porque ai, para pra pensar me lembro dela a maldita TPM, ai tento me acalmar um pouco, comer um pouquinho de chocolate pra aliviar o nervoso.

    Espero passe logo...Beijoss

    ResponderExcluir