Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2009

48 horas de abstinência

Eu confesso! Confesso que o Twitter roubou de vez o meu tempo e liquidou com minha inspiração. Talvez seja o momento de começar um tratamento numa clínica de recuperação. Este final de semana eu estarei começando com o programa: 48 horas de abstinência. Espero estar de volta em breve, livre de mais uma droga que como o Orkut tem sugado meu tempo que já não é suficiente. Bom fds a todos.

, pra descontrair

Pega essa ! ! ! Cientistas norte-americanos estão dizendo que pessoas retardadas da cabeça, lêem os recados com a mão no mouse ! ! ! Não adianta tirar agora... haha. - Não me levem a mal. Rs

Boa comida!

Ain, tinha tanta coisa pra postar que agora fiquei sem saber o quê... #droga ! Então decidi comentar com vocês sobre o que me roubou a tarde de ontem: a edição 2009/2010 da Veja Brasil Recife. Todo ano - acho que todo mundo sabe disso - a Revista Veja lança a edição dos melhores lugares para comer & beber de algumas cidades do país. Sem falsa modéstia, o Recife tem a cada ano superado expectativas. Além de ser muito gostoso (literalmente) conhecer esse lugares e, melhor ainda, ver os lugares que você frenquenta entre os indicados e/ou ganhadores. Como foi o caso da Delta Expreso, Pastello e Dalena nas comidinhas. Nos bares (os quais eu não frequento muito,) me chamou atenção o Bar da Praia, na praia de Boa Viagem. Muito legal e atraente! Entre os restaurantes o sempre premiado Spettus e a Taberna Japonesa Quina do Futuro ganham minha atenção, sem esquecer é claro do É, que eu estou louca pra conhecer. Quem vier pra Recife já sabe onde comer o/ Abraços.
"Um homem pode se transformar com um acorde.
A mulher precisa da melodia completa." . . . . ... boa semana! .. viciada no Twitter . fds corrido, mas pacífico! >> frase retirada do blog: Não consigo ir embora de mim a pé

Estranho ne?

Imagem
Como a Ivich disse num dos meus posts anteriores: não sei muito bem o que postar nos momentos de calmaria. Estranho né? Deviria ser mais fácil nessas épocas. ^^ Concordo em plenitude! Interessante como quando estou nessa página de 'criar postagens' eu fico perdida na claridade que sai da tela branca, logo no meu momento de tranquilidade, de total mansidão; eu simplesmente não sei sobre o que escrever. Acho que por isso que apesar de ter passado em Jornalismo, eu desistir de cursar pra ficar na Engenharia. Nela tudo é tão impecável; exato! Estamos sempre solucionando problemas e por isso, neste meu momento 'sem problemas' eu fico sem saber o que fazer... Estranho, né?!
, a s t e r i s t i c o s :
* acho interessante como as pessoas usam o orkut na tentativa de mostrarem uma felicidade que não existe. Pois se existisse ela seria reconhecida, sem precisar ser alardeada. * acho imprecionante a quantidade de pessoas que não conseguem ficar sem relacionamentos. Pessoas tão care…

, uma pausa pra descontrair

Cá estou eu, aprendendo a usar o Twitter e vejo postado num dos que eu sigo o seguite: Como descobrir se seu amigo é gay . Acessei imediatamente. Que meus amigos me perdoem, não é querendo desconfiar de nenhum, mas por curiosidade mesmo; rs. Quem tiver duvidas, ou se, como eu, são 'apenas' curiosos então... fica aí a dica ;)

geralmente isso não me acontece.

Imagem
aah, não mesmo! Geralmente chego no blog cheia de inspiração, nem que seja pra colocar uma simples frase. Mas hoje abri, olhei, li, vi e parei. Parei ali. E ponto. E mais nada. Não me veio nada pra colocar aqui. Nem revolta, nem felicidade suficiente. A paz me invadiu e me deixou sem palavras. E acho ainda mais interessante que veio pra me mostrar que paz é diferente de felicidade. E que as duas não andam necessariamente juntas.
A todos um bom dia!
Imagem
Viver sem amigos é como tentar tirar leite de um urso para o café da manhã. Dá muito trabalho e não vale à pena. (Zora Neale Hurston) , ando percebendo que o blogger não deixa que seja permanente as fotos que carrego pelo URL; por que será? ando percebendo que meus amigos têm sido cada vez mais importantes nesta caminhada. E que sem eles muita coisa perde o sentido (: , confesso: estou leve e feliz. Interessante como a vida exige certo egoísmo. , boa semana a todos.
Bom mesmo é ir à luta com determinação, abraçar a vida e viver com paixão, perder com classe e viver com ousadia. Pois o triunfo pertence a quem se atreve e a vida é muito bela para ser insignificante.
(Charles Chaplin)
, um bom fim de semana a todos!

, eu não desfaço os albuns.

Imagem
Percebi que eu não tenho alguma paciência para rasgar cartas, desfazer albuns ou apagar recados de ex-namorados (da época em que eram namorados). Não é apego. Eu nem olho mais, me esqueço que existem, mas as fotos, as cartas e os emails continuam lá. E sinceramente não sei pelo que esperam. Talvez por um namorado ciumento que me convença a me desfazer de tudo. Ou não. Cada relacionamento amoroso que tive (principalmente os 2 últimos - os mais longos) não me ensinaram o que esperar de um namoro/noivado/casamento, mas me mostraram o que eu não quero e até onde meus limites me permitem ir.
Aprendi que não consigo ser o "lado forte" por muito tempo. Sou amiga, ouvinte, sou super companheira. Mas se eu não estiver recebendo o mesmo, a alegria (do rapaz) durará bem pouco. Descobri que não consigo conviver com muita dependência (ou independência); necessito do meio-termo. Entendi que eu adoro a rotina, e que a graça da imprevisibilidade é ela acontecer naturalmente, sutilmente e esp…

go.

Go quer dizer 'vá' em inglês. Uma língua falada ao redor do mundo. Pois você tem um mundo inteiro de oportunidades pra aproveitar. Go é um convite pra descobrir. Pra sair e conhecer as maravilhas que a vida oferece. Pra fazer as coisas que você sempre quis, mas nunca tentou. Pra ampliar os horizontes. E curtir cada segundo de cada minuto de cada dia. Go é um convite pra levar a vida do melhor jeito que você puder. Porque o mundo está lá fora esperando e aí? 1, 2, 3, go!
Já faz algum tempo que o novo comercial do cartão Visa tá passando na tv (e na net). Eu achei muito bem feito e muito tocante. Ainda mais pra fase onde encontra-se minha vida. Desejo um belo dia a todos... e GO!

. dilema

Há duas tragédias na vida: uma a de não satisfazermos os nossos desejos, a outra a de os satisfazermos. Oscar Wilde

, sobre mim

Imagem
, sobre filmes
, sobre solidão
, sobre companhia
, sobre confusão



, sou muito apaixonada por cinema, em tempos de pirataria (os filmes ainda não estão nem em cartaz, mas já tem na net pra baixar; mesmo assim) a paixão continua a aumentar. Aquele clima das salas de exibição, aquele telão, o som estrondante, o escurinho e tudo mais, fazem do cinema a minha diversão preferida... sou realmente apaixonada, mas não ao ponto de assistir filmes sem companhia. Entretanto, ontem quebrei o ciclo e escolhi Wolverine pra tal façanha. E então, descobri que não é tão ruim (como eu pensava); o segredo é saber escolher o filme. Na minha concepção não dá pra assistir sozinho os filmes de comédia, comédia romântica e drama romântico. Sobre o filme : simplesmente ótimo! Sou admiradora (e louca por) da saga de X-Man e muito mais do Wolverine (lógico!), só achei que o filme em questão está um pouco distante da série, sei lá. De qualquer forma eu indico! - , ultimamente a confusão tem tomado minha mente (e coração…

Sorte de hoje,

Nunca deixe que os seus princípios impeçam você de fazer o que é certo.

, hoje parece-me que o orkut finalmente acertou ao me aconselhar. Não me sinto completamente perdida, mas sinto uma espécie de desconexão entre tudo que está acontecendo em minha vida. Como se tivesse decidido algo e optado por outro, mas estando certa da decisão... complicado de entender até pra mim. Não sei bem onde chegarei, ou até onde conseguirei ir; apenas continuo a caminhar, mesmo que um pouco amedrontada, cheia de receio de (me) perder do que(m) realmente eu queria encontrar.
Imagem
, a vida vai passando e me sinto (novamente) apenas expectadora. Os sentimentos não estão misturados; cada coisa está no seu devido lugar. Nos últimos dias percebi que minha paciência ainda não está reestabelecida e isso me remete a um questionamento: será que qualquer relacionamento nesta (minha) fase estará fadado ao fracasso? As coisas tendem a se complicar quando percebo que errei criando expectativas sobre uma pessoa que não conhecia... isso é tão normal, ne?! E ainda mais normal é ter essas expectativas frustradas em tão pouco tempo. Não quero julgar quem está perto (nem quem está longe), o erro é meu em querer que o mundo seja simplesmente da forma que eu desenhei. Levando tudo isso em conta, resolvi me permitir dar mais tempo a mim mesma e reaprender a utilizar minha paciência, claro sabendo que receberei (algo do tipo) em troca; até porque também preciso de compreensão (e muita!). E assim a vida vai caminhando... e eu aqui tentando estabelecer o curso e ritmo que sempre pretend…