Páginas

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Conselho aos convidados

Achei um texto muito massa magnifíco no Blog Casando Sem Grana e resolvi recortar um pedacinho do texto - de título Pimenta nos olhos dos outros – Conselhos aos convidados - para ser mais exata trouxe a parte que fala do 'recebimento dos convites' e do problema que isso pode causar... Segue:

  • Ao receber um convite de casamento
- Observe primeiro a quem se destina o convite. Por exemplo: “Sr. e Sra. Fulanos de Tal.” Se estiver escrito assim, significa que você e seu(sua) companheiro(a) são os únicos convidados. Nada de chamar sua sogra, seus primos e outras pessoas. Afinal de contas, se os noivos assim o fizeram, significa que está saindo do bolso DELES a sua ida e mais pessoas só contabilizaram mais prejuízos a eles. Respeite isso.

- Se você discordar do endereçamento do convite, saiba que: Não cabe a você pressionar os noivos para “levar mais alguém”. Se você começou a se relacionar recentemente com alguém e este alguém não foi convidado, não se chateie. Significa que ao fechar a lista de convidados esta pessoa não havia sido prevista ou, por algum motivo específico do qual OS NOIVOS decidiram, ela não foi cotada e ponto final. Mais uma vez respeite isso e se ficar alguma dúvida, PERGUNTE educadamente o por quê. Nada de mandar emails com ameaças e chiliques pra ninguém, tá?

- Saiba também que se VOCÊ foi convidado é por que VOCÊ é especial. Logo, se não puder comparecer ao casamento, avise com antecedência. Isso se estende com maior gravidade aos convidados para padrinhos: Não deixe os noivos na mão. Foi convidado e não pode e/ou não deseja assumir o cargo? Avise logo. Só não vá entristecer quem te quer tão bem quanto eles.

- Se você foi convidado para ser padrinho ou madrinha e formar par com outra pessoa que não seja seu cônjuge, novamente: Nada de biquinho e chilique vindo da parte de ambos. Neste caso significa que você é a pessoa com quem aquele casal tem mais afinidade direta e ponto. Ou não. Pode significar apenas que o casal decidiu montar o cortejo de uma forma diferente e quis você alí, da forma como eles imaginaram.

- Entretanto, em qualquer um desses casos acima, se houverem questionamentos e problemas a serem discutidos, CONVERSEM numa boa com os noivos. Ameaças de falta por que seu conjugue não gostou do que os noivos pediram, é criancice das bravas!

Se quiser ler o restante do texto clique aqui - vale muito a pena!

2 comentários: