Páginas

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Um dia cinza

Um dia cinza como o de hoje me deixa pensativa e mais quieta que de costume. Causa em mim uma sensação de necessidade que, na verdade, não existe razão de existir. Sinto como se precisasse de algo, mas não sei bem o que é. E, provavelmente, não deve ser nada. 
Estou naquela fase da vida onde tudo vai bem e as preocupações existem, mas são pontuais. Nada desordenado demais. Talvez - com o turbilhão que passou por mim nos últimos meses - eu não esteja mais tão acostumada a quietude que um dia cinza como o de hoje transmite. 
Talvez seja apenas meu corpo e mente aproveitando para descansar; afinal um novo semestre letivo vem por aí, dentre outras novidades, pessoas e necessidades que logo logo vão chegar. Talvez seja um suspiro que meu corpo precisa dar, pra começar uma fase COMPLETAMENTE nova que, em poucos meses, virá.

3 comentários: